Google+ Experimento: Simplesmente.

domingo, 14 de julho de 2013

Simplesmente.

   
     Já faz um tempo que tenho tido dificuldades para "complicar" as coisas que faço. Antes costumava me empolgar e empenhar mais com discussões sobre crenças religiosas,por exemplo. Mas ultimamente me sinto saturada desse tipo de coisa. Sinto um cansaço mental só de pensar em ter que repetir e organizar argumentos para discussões que não levam a conclusão ou consenso algum.
     Quem me conhece sabe que gosto mesmo de tentar aconselhar meus amigos (qualquer pessoa, na verdade) e de discutir qualquer coisa. Mas isso só é bom quando a outra pessoa quer realmente te ouvir. Do contrário você se torna um idiota. Eu fui muito essa idiota e ainda sou às vezes.
     Por isso, já faz um tempo que ignoro principalmente discussões sobre assuntos que geram polêmica, porque nessas situações as pessoas querem mesmo é atirar pedras entre si. Prefiro não perder mais tanto tempo. Depois de certos acontecimentos, ganhei a vantagem de enxergar a vida de uma forma mais simples, como se isso fosse realmente óbvio.



"O Fabuloso Destino de Amélie Poulain" 

4 comentários:

  1. Esse filme é muito louco, diga-se de passagem...rsrsrs...
    O texto expressa muito do q sinto uma ou duas vzs por ano...vejo como algo natural, entendo como um momento pra parar e perceber todas ideias q me chegou nos últimos tempos e poder peneirar tudo...

    ResponderExcluir
  2. Há alguns momentos em que não podemos mediar, a posição das pessoas que nos ouve, e a posição das pessoas que nos falam... Isso é, realmente natural... mas acho que, tudo o que falo deixa um tanto de verdade, assim como tudo o que ouço traz outro tanto, somadas as palavras ditas e as ouvidas, formamos novas verdades... Cabe à nós sabermos se esta construirá uma verdade conexa com a razão da nossa vida, ou apenas mais um fragmento de conhecimento nulo... Mais uma coisa é certa, se olharmos pela lógica, é assim que aprendemos...

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. " Não adianta querer dar 1litro de água à quem tem sede de apenas 250ml "

    ResponderExcluir